Maurício Gieseler

Maurício Gieseler

Advogado em Brasília (DF), este blog é focado nas questões que envolvem o Exame Nacional da OAB, divulgando informações e matérias atualizadas, além de editoriais, artigos de opinião e manifestações que dizem respeito ao tema. Colocamos, também, a disposição de nossos visitantes provas, gabaritos, dicas, análises críticas, sugestões e orientações para quem pretende enfrentar o certame. Tudo sobre o Exame de Ordem você encontra aqui.

Fale com ele
- Categoria: Entrevista

Entrevista: a preparação para a prova de Direito Tributário na 2ª fase do X Exame de Ordem

Ensaio_Professor-Josiane_Minardi

Agora é a hora de conversar um pouco com a professora Josiane Minardi para sabermos como ela vê a prova da 2ª fase de Direito Tributário.

Aproveitem e participem do grupo de estudos de Tributário da professora:

Grupo de Estudos no Facebook – 2ª fase de Direito Tributário

Perfil da Professora Josiane no Facebook

Vejamos  entrevista:

Blog: Professora Josiane, na sua opinião, quais são os maiores desafios para quem faz a 2ª fase em Direito Tributário hoje?

Josiane: O maior desafio que vejo na maioria dos meus alunos é a falta da prática para a formatação da peça processual. Muitos tem muito conteúdo material, mas tem dificuldade na localização dos artigos e na redação lógica da peça processual. Por isso que para a 2ª fase do Exame de Ordem é fundamental que o candidato pratique muito resoluções de questões e peças, com muita consulta à legislação. Só assim ele poderá conciliar o conhecimento que detém na matéria de direito tributário com a prática (simulada em consultas – respostas às questões -  e ações judiciais – identificação e redação da medida processual -).

Blog: Sob o aspecto da identificação das peças, qual o nível de dificuldade exigido pela FGV nas últimas edições?

Josiane: A banca da FGV não tem imposto muitas dificuldades na formulação da questão para a redação da peça profissional. Tem adotado ementas bem elaboradas, sintéticas, de fácil interpretação e identificação para a sua solução. Não tivemos até hoje problema com relação à identificação da peça profissional, apenas questionamentos quanto ao gabarito da correção.

Aula inaugural (grátis) do professora Josiane para a 2ª fase do X Exame de Ordem Unificado:

Aula 1.1

Aula 1.2

Aula 1.3

Aula 1.4

Blog: Qual o nível de apreensão e compreensão do conteúdo nessa disciplina em específico? É necessário ter algum conhecimento prévio da matéria ou um aluno que nunca viu Tributário pode se arriscar nesta 2ª fase?

Josiane: Claro que o candidato deve escolher a sua 2ª fase de acordo com o tema de sua simpatia e conhecimento. Mas tenho muitos alunos que buscam o nosso curso preparatório sem ter conhecimento algum da matéria. Isso porque o direito tributário, ao contrário do que muitos pensam, não é um “bicho de 07 cabeças”. Ao contrário, é uma matéria muito interessante, gostosa de estudar e que atrai a vontade de conhecer e saber, o que facilita na hora dos estudos. Ademais, é um ramo do direito com conteúdo bem mais enxuto do que a maioria das outras matérias, o que também é um fator determinante para a escolha da matéria. E quem acaba conhecendo direito tributário de verdade, desperta uma paixão por tributário. Isso a gente vê pelo nosso grupo que chamo de 100% TRIBUTÁRIO, por serem alunos 100% comprometidos com os estudos, dedicados ao conhecimento e à solidariedade ao grupo na troca de informações e experiências.

Curso ONLINE para a 2ª fase de Direito Tributário do X Exame de Ordem

Blog: Quais são as dúvidas mais comuns de seus alunos?

Josiane: No início da preparação a maior dificuldade é onde encontrar os artigos de lei para defesa das questões e resolução do mérito das peças, mas após as remissões corretas no decorrer das aulas, tudo fica mais fácil e facilita na hora da prova.

Blog: E quanto a evolução dos seus alunos nos estudos? Como você dá um feedback para eles?

Josiane: Eu trabalho muito nessa época, acompanhando de perto a evolução do grupo. Sempre quando observo alguma deficiência, gravo novas aulas, disponibilizo novos materiais e exercícios, etc. Além disso, temos o “Sua Mensagem” que é o principal canal de contato entre professor e aluno, onde respondo pessoalmente as dúvidas e solicitações dos meus alunos. Administro também no Facebook o grupo “OAB 2ª Fase 100% Tributário”, onde os alunos trocam entre si experiências e informações, além de ser outro canal de comunicação comigo. Lá respondo às dúvidas, compartilho dicas e posto simulados para serem discutidos depois entre todos.

Blog: Quais suas criticas quanto a elaboração das provas de Tributário? O que você não tem gostado na elaboração das provas?

Josiane: A banca da FGV tem elaborado boas provas de Tributário, com exigência de conteúdo moderado. A questão da peça profissional normalmente é redigida de forma clara e com bastante informação para a sua identificação. As questões, por sua vez, são intercaladas entre questões mais fáceis e outras com um maior grau de dificuldade que são respondidas com o apoio no conhecimento da jurisprudência. Mas, em regra, as provas de tributário para os meus alunos tem sido bem recepcionadas e realizadas com tranquilidade.

Blog: E a qualidade da elaboração dos padrões de resposta e espelhos? Como você vê a construção deste documentos na sua área?

Josiane: Como afirmei nas respostas anteriores, as perguntas e, principalmente, a questão da peça profissional, tem sido bem elaboradas e com exigência de conteúdo moderado. Mas, quanto ao padrão de resposta e o espelho, registro uma crítica que, em algumas oportunidades, cobraram argumentos não necessários, como não consideram outros argumentos corretos ou pontuaram de forma não equilibrada. Mas, em geral, a prova de Tributário tem sido bem trabalhada pelo examinador, sendo bastante tranquilas as correções e pontuações.

01

Blog: Que dicas você dá para os candidatos que, ao verem o enunciado da peças e das questões, possam projetar o futuro esqueleto da peça e das questões guardando proximidade com o espelho?

Josiane: Sempre alerto para primeiramente conversar com a prova e tentar extrair ao máximo o que o examinador quer do candidado e responder sempre da forma mais completa possível, com “subsunção do fato à norma”, onde tentamos demonstrar que sabemos fazer o encaixe da norma ao caso concreto. Observo que o examinador de tributário quer apenas saber se o candidato sabe da existência daquela norma e onde e como usá-la para resolução do problema. A nossa preparação para a segunda fase foca nisso, para o obtermos a pontuação integral nas respostas.

Blog: Fale sobre a doutrina ideal para a 2ª fase de Tributário.

Josiane: O candidato para a segunda fase que se propõe a fazer um curso preparatório não tem sinceramente necessidade de estudar por doutrina, pois durante a preparação abordamos todo o tema do edital e como são muitas aulas, muitas peças e questões para treinamento não justifica adicionar mais o estudo pela doutrina. Porém, recomendo o livro de Impostos Federais, Estaduais e Municipais do Leandro Paulsen, da editora do Advogado, pois como os impostos sempre aparecem em nossa prova, vale a pena a aprofundar nessa matéria.

Blog: E os códigos? Quais são os indicados para a prova subjetiva?

Josiane: Eu recomendo a utilização de um Código Mini 3×1 Tributáiro, um Vade Mecum e o Regulamento do Imposto de Renda. Esse é a legislação que o candidato precisa levar no dia do exame.

Blog: Fale sobre sua metodologia de ensino. Como você aborda a preparação para a prova?

Josiane: Nossa preparação para a segunda fase é intensa e na parte prática principalmente, faço questão de ensinar passo a passo como fazer cada peça, de modo a preencher todos os quesitos que provavelmente serão cobrados no espelho. Após cada peça ensinada, trabalhamos com um exemplo prático na própria aula e disponibilizo exercícios que já foram objeto de prova e abordam a matéria. Um dos diferenciais do curso, é que a cada matéria lecionada, indico as remissões necessárias nos código que facilitará o rápido encontro dos artigos de lei e das súmulas para a resolução da prova.

Blog: E agora deixe aqui suas dicas finais para os examinandos e seus alunos.

Josiane: Assista todas as aulas, treine muito a resolução dos exercícios propostos e tire suas dúvidas com o seu professor. A cada simulado, cronometre o tempo e utilize somente o material permitido pelo Edital. Após acompanhe a correção e, se for necessário, refaça a prova para corrigir os erros. Um curso preparatório é muito importante, que auxiliará na preparação para a aprovação do Exame de Ordem.

Veja também: Curso ONLINE para a 2ª fase de Direito Tributário do X Exame de Ordem

Posts relacionados